• banner-vestibular-2020
  • banner-forme-facil3








Imprimir

Parcintec da Fafram atua em prol de inovação tecnológica

banner-parcintec

Em Ituverava, o programa funciona desde 2008, buscando o desenvolvimento sustentável do agronegócio na região

Pensando em melhor atender à demanda por tecnologia em Ituverava e região, a Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram) - instituição de Ensino Superior mantida pela Fundação Educacional de Ituverava - dispõe do Programa de Parcerias de Inovação Tecnológica (Parcintec), que é um projeto institucional envolvendo áreas públicas e privadas. com o objetivo de prover, a partir do agronegócio e tendo como base a inovação, o desenvolvimento sustentável da região.

Em Ituverava, o programa funciona desde 2008, e é uma parceria entre a Embrapa, o Grupo de Apoio à Inovação e Desenvolvimento do Agronegócio Regional, Prefeitura de Ituverava e Fundação Educacional de Ituverava, através da Fafram.

Em entrevista concedida à Tribuna de Ituverava, o diretor da Fafram, Márcio Pereira, explica sobre o funcionamento do Parcintec. “O programa funciona através da união de esforços técnicos, materiais e administrativos, promovendo de forma institucionalizada a transformação do conhecimento científico e tecnológico em inovação”, afirma o diretor.

“A área de atuação envolve os municípios de Ituverava, Aramina, Buritizal, Guará, Igarapava, Ipuã, Miguelópolis, Morro Agudo, Nuporanga, Orlândia, Sales de Oliveira e São Joaquim da Barra, totalizando uma área cultivada de mais de 570 mil hectares”, ressalta Pereira.

Ainda de acordo com ele, o Parcintec “atende demandas específicas; intermedeia contato entre instituições de pesquisa e setor produtivo; intermedeia contratos entre instituição de assistência técnica e transferência de tecnologia pública e privada; organiza e participa de eventos técnicos e de treinamentos; como palestras, cursos e dias de campo; treinamento de mão-de-obra e propõe ações de inovação e desenvolvimento”.

Agronomia

O desenvolvimento de tecnologias voltadas ao campo, idealizadas pelo Parcintec, se tornam ainda mais importantes devido ao curso de Agronomia que funciona na Fafram, e considerado um dos melhores do país, tanto pela qualidade do corpo docente quanto pela estrutura para as aulas teóricas e práticas.

O Programa de Parcerias de Inovação Tecnológica (Parcintec) funciona de segunda a sexta-feira, no Campus II da FE (Sítio das Acácias), das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h.

Estação Meteorológica

Outro projeto do Parcintec em Ituverava é a Estação Meteorológica, também instalada na Fafram. Através do aparelho, é possível saber a respeito de temperaturas, quantidades de chuvas e ventos em Ituverava.

Parcintec

O objetivo do Parcintec é identificar demandas e promover a articulação de parcerias e ações institucionais com o objetivo de potencializar o atendimento delas. Para tanto, envolve as unidades da Embrapa e outras instituições do Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária, bem como instituições científicas, universidades, governos e setor privado.

A partir daí, os parceiros desenvolvem programas de atendimento às necessidades dos diversos segmentos do setor agropecuário destes municípios e regiões.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Imprimir

FFCL investe em construção de caixa de energia elétrica

Na FFCL, além das novas salas, tem executado outras importantes obras. Uma delas é uma caixa de energia, que abriga um transformador e um gerador, totalizando investimento no valor de R$ 180 mil. “Antes a potência de energia elétrica da FFCL era de 200 quilowatts, e já estava começando a nos preocupar, pois estava bem próximo de seu limite, oferecendo perigo de queda de energia e curto circuito”, explica o presidente César Luiz Mendonça. 

“Com a aquisição dos aparelhos e construção da caixa de energia, a potência passou para 500 quilowatts, dando suporte para a demanda, pois o crescimento da instituição de ensino tem sido grande”, destaca.

Outra obra foi a construção de um almoxarifado. “O objetivo foi colocar diversos arquivos para documentos da Fundação Educacional de Ituverava. São papéis importantes, que devem ser preservados em ambiente adequado, daí a importância da obra”, destaca Mendonça. 

A diretoria também comprou importantes equipamentos para os cursos de Engenharia Civil, Mecânica e de Produção. “Já adquirimos alguns equipamentos e a previsão é que até o fim do ano o investimento chegue a cerca de R$ 1 milhão”, completa o presidente.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Imprimir

FE pleiteia curso de engenharia elétrica

Já está aprovado pelo Conselho de Curadores da Fundação Educacional de Ituverava, o projeto para implantar em Ituverava, o curso superior de Engenharia Elétrica. Segundo o presidente da FE, César Luiz Mendonça, estudos já foram feitos e foi constatado que há demanda para este curso. Caso consigamos o curso, Ituverava passará a oferecer quatro cursos de Engenharia: Civil, Elétrica, Mecânica e de Produção.

“O primeiro passo será montar um projeto para apresentá-lo ao Ministério da Educação, e trabalhar para que o órgão autorize o funcionamento do curso na cidade”, relata.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Imprimir

Alunos de contabilidade têm aprovação em exame da CRC

Onze dos quatorze alunos da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FFCL) que prestaram o Exame do Conselho Regional de Contabilidade foram aprovados, o que lhes dá condição de exercer a profissão de contador. 

Os aprovados estão no último ano do curso, e têm até um ano para solicitar registro junto ao CRC. 

“São alunos da primeira turma de Contabilidade, que se formam neste ano, e se saíram muito bem. O fato comprova a qualidade do ensino oferecido pela FE, que dispõe de uma estrutura, qualidade do corpo docente e à dedicação dos estudantes”, afirma o diretor da FFCL, Antônio Luis de Oliveira (“Toca”).

Fonte: Tribuna de Ituverava

Imprimir

Fundação adquiriu novos computadores e carteiras

Fundação Educacional também adquiriu 750 carteiras, que estão sendo utilizadas por alunos da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FFCL), Faculdade Dr. Francisco Maeda (Fafram), Colégio Nossa Senhora do Carmo - COC e Liceu Van Gogh - Anglo. O investimento foi da ordem de R$ 167 mil. 

“Muitas carteiras estavam velhas e necessitavam ser trocadas, até para dar mais comodidade aos alunos. Por isso, fizemos a compra”, relata o presidente da FE, César Luiz Mendonça. 

“Outro investimento foi a aquisição de 150 computadores, onde foram investidos R$ 200 mil”, destaca.

Fonte: Tribuna de Ituverava

Imprimir

Dia do livro é comemorado pela fundação educacional

Alunos da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ituverava foram surpreendidos com uma ação de incentivo à educação e cultura no dia 23 de abril. Em comemoração ao Dia Mundial do Livro, a faculdade distribuiu gratuitamente mais de 50 livros.

As obras de temas variados, foram espalhadas pelo campus da FFLC, onde os alunos tinham a missão de encontrá-los. A aluna do 5º ano de Pedagogia, Taís Nicolino, encontrou um dos livros. Ela provou a iniciativa: “adorei a ação”, afirmando que este tipo de incentivo estimula o aluno a ler outros títulos, o que enriquece ainda mais seu universo de conhecimentos.

Entre os títulos distribuídos estão: “O cérebro e a inteligência Emocional”, “Como se tornar um comunicador fora de série” e “A arte da Guerra, Networking – desenvolva sua carreira criando novos relacionamentos entre outros”.

A Fundação Educacional de Ituverava está investindo cada vez mais na qualidade da educação oferecida aos seus alunos, e ações como desta natureza são um incentivo no processo de aprendizagem. 

“A idéia do Departamento de Marketing foi proporcionar e incentivar aos alunos uma boa leitura, e desta maneira, contribuir para que aumente o interesse pela leitura”, observa Ângela Viegas Freitas, coordenadora de marketing da FE.

Fonte: Tribuna de Ituverava